Post reflexivo sobre Consumo.

Pausa na nossa programação normal de imagenzinhas bonitinhas: sim, oh meu deus, um TEXTO. Lá vem !

Será ? Pra mim não tem funcionado...

Ultimamente tenho ficado muito irritada toda vez que preciso comprar alguma coisa, tenho uma certa preguiça de comparar, procurar e procurar a melhor coisa, mas odeio me sentir enganada ou passada pra trás, e isso acontece 70% das vezes que compro algo, seja algo útil e necessário como um aparelho de telefone, seja apenas um ataque de perua maluca como um blush ou algum sapatinho vermelho.

Se sou estou quem está pagando, e a escolha é minha, porque é que meu índice de descontentamento é tão alto ? Seja um contrato de auto-escola ou um plano de celular, seja um presente de aniversário pra minha irmã ou uma calça jeans. Antes de assinar o cheque é tudo lindo e você é a pessoa mais especial do mundo. Ou às vezes o pesadelo começa antes: fui tentar comprar um blush outro dia e todas as vendedoras já olhavam para minha cara lavada com desprezo, ofereciam primeiro algum produto caro sobre a qual elas ganham comissão, e quando eu pedia pra me mostrarem alguma outra cor ou marca, simplesmente paravam de me atender.
Morro de raiva de pensar que a C&A / Renner / Marisa estão me enfiando a faca cobrando 49,90 por um pedacinho de pano que vai desfiar ou encher de bolinhas em um piscar de olhos. Simplesmente quase não compro mais nada, praticamente, por desgosto e indignação.

Gosto muito dos textos do blog De Chanel na Laje. Com um português correto (coisa rara na internet) e opiniões muito bem argumentadas (coisa rara nesse mundo), muitas vezes tenho vontade de citar ou recomendar seus textos para mais gente. O post que me inspirou a escrever esse que vocês estão a ler foi um post sobre como consumir. Destaco esse trechinho aqui:
"Consumir um produto não é apenas levá-lo para casa. Também é financiar uma empresa, uma estrutura, uma forma de fabricar, uma forma de vender, uma forma de fazer publicidade, uma política de marketing."



Um comentário

  1. Também estou nesse mesmo clima, querida. Ando revoltada totalmente com a forma que as grandes lojas nos sacaneiam diariamente.
    Bjokas

    ResponderExcluir

E você, me conta ? Este espaço é para trocarmos ideias ! Se tiver alguma dúvida, deixe um e-mail ou link para que eu possa responder, por favor.