Que historia sua casa conta sobre você ?

by - segunda-feira, abril 21, 2014



O que sua casa diz sobre você?

Quero dizer, qual proporção de coisas que você ama e que representam o que você é existe na sua casa ? Explico melhor. Por exemplo, qual a primeira coisa que alguém que nota quando entra em sua casa - pode ser a organização e limpeza impecáveis, ou ainda que você tem muitos porta com momentos familiares, uma pilha enorme de dvds assistidos ou a assistir, uma máquina de costura cheia de cortes de pano ao redor, seus gatos passeando, a bagunça que o seu cachorro faz .... Esta coisa que as pessoas reparam, coincide com a sua paixão ou algo que você ama ou gosta muito de fazer ?



Dei todos esses exemplos porque andei reparando na casa das pessoas que conheço - e também na profusão de tours domésticos que andou aparecendo no meu feed do youtube. Não apenas quanto a decoração, não estou falando só do "pinterest way of life", estou me referindo à quais coisas ficam mais à mão em sua casa, quais são visíveis para as visitas, quais coisas você bate o olho sempre que chega em casa ou levanta de manhã, e que te fazem sorrir.


Minha grande paixão é contar histórias. Trabalho com teatro, fiz uma graduação de cinema, faço figurino e tento costurar, gosto muito de fazer relações entre moda e trajetória pessoal, enfim. Pra mim, tudo se resume a contar histórias, seja por meio de alguma linguagem artística (teatro, cinema, fotografia, desenho, figurino, contos) ou nas coisas do cotidiano, nos objetos afetivos que enfeitam nossa casa e também na maneira como nos vestimos todo dia.



É o que eu faço pra viver, como eu tento pagar minhas contas, é o que eu amo fazer e o que quero seguir fazendo até ficar velhinha (onde me imagino costurando roupinhas de bonecas). E me esforço para que isso fique claro na minha casa, não para que os outros achem bonito, mas para que eu tenha um dia-a-dia mais gostoso de viver. 





E você, como isso funciona por aí, no seu cantinho ?

You May Also Like

11 Comenta aqui >>

  1. Anna, adorei seu cantinho, com coisinhas, livros e detalhes. O meu também é assim, cheio de histórias para contar.

    ResponderExcluir
  2. Ai, que coisa linda as suas coisinhas, Anna. O meu espaço é uma bagunça! Muitas coisas empilhadas que não posso me livrar com facilidade. Não vejo a hora de ter uma casa apenas minha.
    bjos

    ResponderExcluir
  3. que lindo, Anna! adoro ler histórias assim! minha casa é uma completa bagunça, tento ser organizada e não consigo o tanto que gostaria, mas sou bem relaxada mesmo. E isso me incomoda muito. Mas meu cantinho diz bastante sobre mim, obviamente. Você olha e diz: preguiçosa. HAHAHA
    brincadeiras a parte, um dia terei meu nivel de organização do jeito que quero pra poder tirar fotos bonitas sem vergonha e me sentir perfeitamente bem nele :)

    ResponderExcluir
  4. Bárbara, mas é que fui esperta e tiro fotos da parte não bagunçada, porque olha .... tem dias que isso aqui parece um episódio de acumuladores, hehehe. Uma vez eu li lá no A Beautiful Mess uma dica que mudou minha maneira de tirar fotos da casa: "arrume um cantinho de cada vez, faça a foto, e depois quem sabe você não consegue conservar arrumado desse jeito". Adotei pra vida e tem dado certo. E mesmo na nossa preguiça e na bagunça, o que importa é que seja nossa cara. Beijão!

    ResponderExcluir
  5. Mira, isso é com todo mundo mesmo ..... Senti muito isso antes de me mudar e ainda hoje tem várias coisas que eu queria não guardar (traaalha, muita) e coisas que eu queria arrumar de outro jeito. Ah, e eu adoro as historias que você conta com o jeito delicado que você se veste!

    ResponderExcluir
  6. Que post interessante, Ana. Caramba! Sua casa é fofa demais! ♥ Olha, a minha casa é muito mesmo a minha cara, a ponto de as pessoas fazerem disso tópico imediato no minuto em que tranpassam a porta. Tapete dos Beatles na entrada, quadro dos Beatles perto da mesa, pôsteres de cinema, quadrinhos retrôs, cristaleira antiga, vitrolinha, móveis coloridos, toalha de mesa de bolotas, estantes grandes e repletas... Tipo criança grande. Tipo dê um cartão de crédito a uma pré-adolescente e mande-a às compras. Estilo vovó roqueira on acid ou algo do tipo. Meu namorado me deu carta branca e a pessoa fico CREIZEE. É a primeira vez na vida que tenho a chance de fazer isso e é tipo minha disneylândia. Tanto que amo ficar em casa. Meu namorado, que é louco por arte e cultura como eu, não se incomoda com as pilhas de livros, estantes abarrotadas e torres de dvds. Ele participa, acrescenta. :) Então, acho que a minha casa reflete bem a pessoinha que yo soy.

    ResponderExcluir
  7. Poxa, adoraria visitar essa sua casinha cheia de estilo, consigo imaginar tudo isso, muito sua cara, amei o termo "Estilo vovó roqueira on acid", muito bão! Mas sabe que as vezes eu olho pras minhas coisas e também penso isso - meu deus, deram um cartão de crédito à criança / adolescente louca que eu era. E o companheiro é pior do que eu, também cheio de tranqueiras nerds. Lets go CREIZE e sermos os adultos mais cheios de brinquedos que conhecemos, hehe!

    ResponderExcluir
  8. Amei o post.. deu uma vontade de cuidar mais da minha casa..que anda meio às avessas.. a sua tem um jeito tão meigo, tão confortável.. dá aquela impressão de ser quentinha e aconchegante, com várias coisas pra fazer, com vários livros e filmes pra ver.. daquelas que a gente senta pra tomar café na cozinha e passa a tarde conversando. Que delícia!

    ResponderExcluir
  9. Quanta coisa fofa na sua casa! A minha aos pouquinhos está ficando a minha cara, em um ano quero que seja como sempre imaginei. Tiro os finais de semana para ir pintando, plantando, fazendo coisinhas para decorar (porque amo ter que FAZER ao invés de sair comprando tudo) e de pouquinho em pouquinho, ela foi ganhando um papel de parede com estampa pied-de-coq, portas azuis, paredes areia e cinza, um clima meio praia, meio cidade grande que faz eu me sentir tão mais em casa do que antes de começar toda a mudança!

    ResponderExcluir

E você, me conta ? Este espaço é para trocarmos ideias ! Se tiver alguma dúvida, deixe um e-mail ou link para que eu possa responder, por favor.