Como construir seu estilo pessoal ?

by - quarta-feira, agosto 26, 2015

Tenho lido e pensado muito sobre a construção de um estilo pessoal. Na minha busca por implementar o tal do armário cápsula, eu descobri que antes de definir uma seleção de peças, eu ia ter que pensar melhor sobre quais peças me deixam feliz de verdade. Para completar, estou vivendo um momento de re-construção da minha identidade - tudo que construí como "eu mesma" desmoronou nos últimos tempos. Um pedaço de mim sabia que eu estava falseando aquelas coisas, mas eu insistia mesmo assim. E olhando para as roupas que eu tinha, isso parece gritar mais ainda.

Esse processo vem acontecendo meio desde o início do ano, e de lá para cá eu até que consegui desapegar de muita coisa, e comprar algumas poucas peças que acho que tem mais a ver comigo agora. Vários posts tem me ajudado a pensar sobre o assunto, e esta série de posts no La Vestuarista, "Desenvolvendo estilo", me deu vontade de deixar este meu processo mais consciente e visual. Engraçado porque é o tipo de coisa que eu faço no meu cotidiano profissional de figurino - pesquisa, análise, escolha de cores - mas nunca parei para fazer para mim mesma. 

Seguindo os passos descritos pela Lígia, eu fui observar meu painel de estilo do Pinterest, e listei/selecionei algumas características que me fazem gostar daqueles looks, algumas são elementos já presentes nas minhas roupas, outras ainda são só desejo:

  • Estampas criativas, delicadas e/ou divertidas
  • Cores sólidas
  • Podrinho Urbano - cinza e tecidos com textura gastinha
  • Silhueta de pin up ou ladylike
  • Glam Rock - couro!
  • Complexo de drag: Dourado ou paetê
  • Cabelo bagunçadinho
  • Make de bonita
  • Batom de cor marcante

No próximo passo, a dificuldade aumenta e você tem que criar 3 mood boards: um de looks inspiradores, outro para detalhes, acessórios, materiais, e o terceiro para cabelo e maquiagem. Detalhe: cada painel deve conter só 6 imagens, e aqui você realmente vai precisar da sua capacidade de síntese e colocar só o que gosta mesmo. Para você ter uma ideia, eu tinha umas 20 imagens salvas parar resumir em cada moodboard!


O legal foi que percebi que consegui transformar algumas destas referências em escolhas de compra - comprei um shorts vermelho de cintura alta, por exemplo. Mais mesmo pinando bastante saia lápis, todas as últimas saias que comprei são modelo evasê, então ainda rola uma resistência / medo de tentar. 


Sobre os materiais e detalhes, eu vejo que a distância entre o que eu gostaria de usar e o que tem no meu armário é mais gritante. Eu queria muito materiais mais finos, mais sofisticados, mais "de mocinha", sabe ? Mas sofro para adequar este desejo ao meu orçamento.


E por último, cabelo e make! Acabei de passar por uma mudança capilar, se você me acompanha no instagram já viu meu novo cabelinho, cortei mais da metade, em breve conto e mostro tudo por aqui, ainda quero mexer na cor. Uma das minhas vontades era poder usar o cabelo mais bagunçadinho sem ficar com muita cara de doida, o que acabava acontecendo com o meu cabelo enorme sem pentear. Outra coisa é que ultimamente tenho sempre arrematado o look com algum batom, não só o vermelho, mais tenho me divertido com tons mais fechados de vinho e roxo, e às vezes arrisco até algo mais pro rosa.

É legal perceber que já comecei a implementar um pouco destas referências na vida, mas que quando você coloca tudo organizado visualmente, tudo fica mais claro - e mais fácil. Tanto para olhar para o que você tem com mais amor ou mais desapego; quanto para fazer compras mais conscientes.

Gostaram deste exercício de estilo ?

You May Also Like

0 Comenta aqui >>

E você, me conta ? Este espaço é para trocarmos ideias ! Se tiver alguma dúvida, deixe um e-mail ou link para que eu possa responder, por favor.